Episodes

  • Os dois gestores entrevistados são cariocas, possuem larga experiência no mercado, fundaram as gestoras que trabalham atualmente, são focados em ações mas dão muito peso para o cenário macro nas tomadas de decisão (e até operam ativos ex-ações). Apesar das várias semelhanças, Duda Rocha (Occam Capital) e Bruno Garcia (Truxt Investimentos) divergem em alguns pontos sobre o momento atual do mercado.

    A grande diferença está na trajetória da taxa de juros: Bruno considera-se mais otimista que a média do mercado, e isso se reflete com menos posições vendidas em Ibovespa Futuro e um peso considerável para o setor de varejo na sua carteira. Já o Duda acredita que o juro deve começar a cair mais tarde do que as apostas do mercado, o que justifica um portfólio mais leve. Ambos gostam de commodities, mas o gestor da Truxt revelou que “ficou short” em Vale e minério de ferro nesta semana, enquanto o gestor da Occam disse estar comprado em Magalu (atualmente a maior alta do Ibovespa em 2023).

    Entrevista feita dentro do LAIC (Latin America Investment Conference), o evento anual do Credit Suisse, que aconteceu nos dias 31/jan e 1/fev em São Paulo. O Market Makers foi convidado para gravar direto do evento.

    Entre hoje para a Comunidade Market Makers de Investimentos: https://sl.empiricus.com.br/s/mmk01-marketmakers

    Apresentação: Thiago Salomão (@_salomoney)
    Convidados: Carlos “Duda” Rocha (fundador, CEO e CIO da Occam Capital) e Bruno Garcia (fundador e CIO da Truxt Investimentos)
    Edição: Renzo Fedri

  • O economista-chefe da Verde, Daniel Leichsenring, já havia estado no Market Makers dias antes do 2º turno das eleições, quando estava muito mais pessimista do que a média do mercado com o que Brasília reservava para o Brasil.

    A opinião dele sobre o governo e sua política econômica não mudou, mas ela não já não está mais entre os mais pessimistas da Faria Lima. Em um mês de declarações e planos do PT, o mercado o alcançou.

    “O melhor que podemos esperar é permanecer medíocre. Isso já é ser otimista hoje”, disse Leichsenring. Em 20 minutos de conversa, ele mostrou qual a notícia que poderia tirar o sono dele e quais as surpresas que poderiam fazê-lo dormir melhor durante a noite.

    Entrevista feita dentro do LAIC (Latin America Investment Conference), o evento anual do Credit Suisse, que aconteceu nos dias 31/jan e 1/fev em São Paulo. O Market Makers foi convidado para gravar direto do evento.

    Entre hoje para a Comunidade Market Makers de Investimentos: https://sl.empiricus.com.br/s/mmk01-marketmakers

    Apresentação: Thiago Salomão (@_salomoney) e Renato Santiago (@renatosantiago)
    Convidados: Daniel Leichsenring, economista-chefe da Verde Asset
    Edição: Renzo Fedri

  • Missing episodes?

    Click here to refresh the feed.

  • Durante a LAIC 2023, Abílio Diniz, fundador do Grupo Pão de Açúcar e o maior empregador do Brasil, compartilhou com exclusividade ao Market Makers suas expectativas para 2023 e sua visão de empresário após décadas tocando diversos negócios no Brasil.

    Entre hoje para a Comunidade Market Makers de Investimentos: https://sl.empiricus.com.br/s/mmk01-marketmakers/

    Apresentação: Thiago Salomão (@_salomoney), Renato Santiago (@renatosos) Matheus Soares (@maatssoares)
    Convidados: Abílio Diniz, fundador do Grupo Pão de Açúcar e um dos maiores empresários brasileiros

  • Luiz Cezar Fernandes, ex-sócio de Jorge Paulo Lemann e fundador do Garantia e Pactual, explica todos os desdobramentos do caso Americanas AO VIVO no Market Makers.

    Entre hoje para a Comunidade Market Makers de Investimentos: https://sl.empiricus.com.br/s/mmk01-marketmakers/

    Apresentação: Thiago Salomão (@_salomoney), Renato Santiago (@renatosos) Matheus Soares (@maatssoares)
    Convidados: Luiz Cezar Fernandes, fundador do Garantia e Pactual

  • Nosso entrevistado da vez é uma das mentes econômicas mais respeitadas do Brasil - embora seja formado em física. Samuel Pessôa contou no início do papo o curioso motivo que o fez tornar-se doutor em economia.

    Pessôa explicou o que o tem deixado tão preocupado com o rumo fiscal do Brasil neste início de governo Lula. Para ele, mesmo que Lula tenha sorte de um provável boom de commodities que podemos ter em 2023, ele teme um efeito colateral desta benesse: o aumento de gastos de baixa qualidade. Pessôa também se disse surpreso com a versão “Dilmada” de Lula.

    Outros assuntos da pauta: a herança bendita deixada por Paulo Guedes, o receio sobre o último ano de Roberto Campos Neto no Banco Central e um recado para o agora ministro da Fazenda, Fernando Haddad.

    Aperte o play e entenda o problema fiscal estrutural do Brasil.

    Entre hoje para a Comunidade Market Makers de Investimentos: https://sl.empiricus.com.br/s/mmk01-marketmakers

    Apresentação: Thiago Salomão (@_salomoney) e Renato Santiago (@renatosantiago)
    Convidados: Samuel Pessôa, pesquisador do Ibre/FGV e Julius Baer
    Edição: Cami Kamata Barcelos

  • Camilo Marcantonio é gestor do Charles River FIA, fundo “long only” que mais rendeu em 2022 (24%) e nos últimos 5 anos (208%), segundo levantamento feito por nós. André Lion é gestor dos fundos long short e long bias da Ibiuna, que renderam 34% e 26%, respectivamente, em 2022. Duas estratégias bem diferentes mas que tiveram um resultado impressionante.

    Na primeira parte da conversa, os dois gestores explicaram a metodologia de investimentos que eles adotam na prática (prepare papel e caneta que foi uma aula). Na segunda metade, destrinchamos a tese de Petrobras, ação que ambos têm em carteira (o Camilo inclusive comprou mais depois da queda no fim do ano). Outros cases, como Auren, Vamos e Banrisul também foram destrinchados.

    Entre hoje para a Comunidade Market Makers de Investimentos: https://sl.empiricus.com.br/s/mmk01-marketmakers

    Apresentação: Thiago Salomão (@_salomoney) e Renato Santiago (@renatosantiago)
    Convidados: Camilo Marcantonio, sócio fundador e gestor da Charles River, André Lion, CIO e gestor de ações da Ibiuna
    Edição: Cami Kamata Barcelos

  • Ano novo, velhas ideias. Esse foi o tom da conversa do 1º episódio do Market Makers de 2023. Os sinais do novo governo deixam claro que a “Nova Matriz Econômica” vai ser testada de novo (e já sabemos como foi na primeira tentativa…). Juntando isso com os pedidos de “antirreformas” e a ausência de nomes técnicos de qualidade na pasta econômica e temos um futuro bem nebuloso para o País. Porém, se internamente a perspectiva não anima, o exterior pode, mais uma vez, ser a tábua de salvação: a reabertura econômica da China pode ser o grande tema de investimentos de 2023 e o Brasil seria um grande beneficiado.

    No episódio #27, juntamos a acidez analítica do economista Alexandre Schwartsman com a excelência em gestão do Paolo Di Sora (CIO da RPS Capital) para projetarmos o que esperar deste 2023 que já começou bastante tumultuado.

    Visite a loja oficial do Market Makers (MMAKERS15: cupom de 15% de desconto): https://bit.ly/3IDQrDW

    Entre hoje para a Comunidade Market Makers de Investimentos: https://sl.empiricus.com.br/s/mmk01-marketmakers

    Apresentação: Thiago Salomão (@_salomoney) e Renato Santiago (@renatosantiago)
    Convidados: Paolo Di Sora, CIO da RPS Capital, e Alexandre Schwartsman, economista e consultor
    Edição: Cami Kamata Barcelos

  • Antes do Market Makers começar sua programação de 2023, todo ouvinte do nosso podcast precisa estar a par da visão apresentada no final de 2022 por Pedro Chermont (gestor da Leblon Equities) e Felipe Miranda (CIO e fundador da Empiricus).

    Em meio a tantas incertezas que os primeiros sinais do governo Lula têm trazido, Chermont e Miranda conseguiram trazer uma visão de longo prazo que indica por que, mesmo em meio a tantos ruídos, é possível encontrar oportunidades no mercado. Uma verdadeira aula de disciplina e foco no longo prazo, que todo investidor deve ouvir para começar bem o ano!

    Apresentação: Thiago Salomão (@_salomoney) e Matheus Soares (@maatssoares)
    Convidados: Felipe Miranda, fundador e CIO da Empiricus Research, e Pedro Chermont, fundador e CIO da Leblon Equities
    Edição: Cami Kamata Barcelos

  • O que um dos maiores “short sellers” da bolsa e um entusiasta da tese de eletrificação têm em comum? Os dois conseguiram ganhar dinheiro na bolsa neste conturbado 2022. O último episódio do ano recebeu estes dois gestores. Um deles é Tiago Cunha, do fundo Ace Absoluto e que possui quase 50% da carteira comprada em produtoras de lítio, urânio, grafite, carvão e alumínio. O outro é Christian Faricelli, do Absolute Long Biased, que explicou no detalhe como uma empresa torna-se elegível para virar um “short” (posição vendida). Dois gestores com estratégias bem diferentes abrindo o jogo (e a carteira) para 2023! Aprecie sem moderação.

    Entre hoje para a Comunidade Market Makers de Investimentos: https://sl.empiricus.com.br/s/mmk01-marketmakers

    Apresentação: Thiago Salomão (@_salomoney) e Renato Santiago (@renatosantiago)
    Convidados: Christian Faricelli, sócio e gestor de ações do Absolute Pace, e Tiago Cunha, gestor de renda variável da ACE Capital
    Edição: Camila Bastos

  • Tome cuidado ao ouvir esse episódio se você é daqueles que se enche de esperança quando um novo ano começa! Recebemos os gestores da Genoa Capital, que tem um dos melhores fundos multimercados de 2022, para falar do que esperar em 2023. Na visão deles, a única certeza que temos é que virá uma recessão nos EUA - a dúvida é quando e de qual tamanho. A reabertura na China é o 2º grande tema para acompanhar, pois ele é tido como fundamental para que o Brasil não sofra tanto em 2023. Porém, até essa reabertura chinesa pode ter consequências negativas no mundo. Conclusão: a Genoa nunca esteve com um nível de risco tão baixo. Apesar da “bad vibe”, foi uma grande aula de cenário macro para fechar o ano!

    Entre hoje para a Comunidade Market Makers de Investimentos: https://sl.empiricus.com.br/s/mmk01-marketmakers

    Apresentação: Thiago Salomão (@_salomoney) e Renato Santiago (@renatosantiago)
    Convidados: Emerson Codogno e Mariano Steinert, sócios-fundadores e gestores da estratégia macro da Genoa Capital
    Edição: Renzo Fedri

  • Não é a toa que Marcos Lisboa, 58 anos, é um dos economistas liberais mais aclamados do Brasil: crítico ferrenho das más políticas de incentivos anunciadas pelo governo, Lisboa foi bem didático ao explicar por que no Brasil é tão fácil o Estado ser capturado por tantos grupos de interesse, seja em um governo de esquerda ou de direita. Os exemplos negativos citados por ele vão da Zona Franca de Manaus até a privatização da Eletrobras. Um exemplo positivo de coisas que funcionaram no Brasil: a evolução do Banco Central como entidade independente. Na pauta, Lisboa disse o que esperar do “Lula 3”, o que deixaria ele calmo com o próximo ministro da Fazenda e de “bônus” uma explicação sobre por que a MMT é uma teoria que não tem nada de moderno. Aperte o play e aproveite esta aula!

    Entre hoje para a Comunidade Market Makers de Investimentos: https://sl.empiricus.com.br/s/mmk01-marketmakers

    Apresentação: Thiago Salomão (@_salomoney) e Renato Santiago (@renatosantiago)
    Convidado: Marcos Lisboa, doutor em economia e presidente do Insper
    Edição: Camila Bastos

  • Fundador e gestor da meteórica Legacy Capital - que em 4 anos de existência acumula R$ 28 bilhões em ativos sob gestão e uma performance invejável do seu fundo multimercado -, Felipe Guerra está bem preocupado com o cenário para 2023. No exterior, os BCs não poderão resgatar os mercados como antes e a recessão deve finalmente aparecer. No Brasil, sua preocupação é com a própria maneira de pensar do PT, que já sinaliza mais gastos num momento do ciclo econômico que não faz sentido nenhum. A consequência disso: ele está “short” (vendido) em Brasil, em bolsas internacionais e zerado em juros brasileiros. Alguma convicção na compra? Apenas o petróleo. Entenda os motivos dando o play nesta super aula de investimentos gravada na quinta-feira (1) no evento de fim de ano feito para os assinantes da Comunidade Market Makers, em São Paulo.

    Experimente as deliciosas cervejas artesanais do Seelaender Gastropub (Guaraiuva, 634, SP) com 15% de desconto usando o cupom "Makers15"! *Promoção válida somente até o final do mês de dezembro/22

    Apresentação: Thiago Salomão (@_salomoney) e Renato Santiago (@renatosantiago)
    Convidado: Felipe Guerra, Legacy Capital
    Edição: Renzo Fedri
    Patrocínio: Seelaender Gastropub (@seelaenderbrew)

  • A estreia do Brasil na quinta-feira, às 16h, não afetou a B3 (que vai manter as negociações rolando normalmente), mas afetou o Market Makers: como não queremos competir com a audiência da seleção brasileira, nosso episódio desta semana foi transmitido AO VIVO hoje (23).

    Conversamos com Guilherme Motta, gestor do Studio Long Bias, fundo com 67% de rentabilidade em 7 meses, e Yara Cordeiro, economista de LATAM, com foco em Brasil, da Novus Capital.

    Na pauta: a trajetória fiscal brasileira e as principais posições do Studio Long Bias

    Conheça a Comunidade Market Makers: https://sl.empiricus.com.br/s/mmk01-lancamento/?xpromo=XE-ME-TELE-MMK01-SUBMMK-X-X-X-X

    Convidados: Guilherme Motta, da Studio Investimentos, e Yara Cordeiro, economista da Novus Capital
    Apresentadores: Thiago Salomão (@_salomoney) e Renato Santiago (@renatosantiago)
    Transmissão e edição: Renzo Fedri e equipe

  • Imagine that, after a long investigation, you discover a fraud in one of the biggest companies in Germany - and reveal it to the public. Now, imagine that, althought you were right, this story took 5 years to be accepted by the public - and, during all this time, you were threatened by the fraudulent company, which resulted in investigations from authorities and a 1 billion dollar bet against your thesis. This is Dan McCrum’s story, a Financial Times journalist who revealed the Wirecard scandal. He accepted our invitation to tell the backstage of this investigation, that became a book (“Money Men: A Hot Startup, A Billion Dollar Fraud, A Fight for the Truth”) and a documentary on Netflix (“Skandal! Bringing Down Wirecard”). Ps: sorry for our intermediary english, we hope you could understand all the content.

    Guest: Dan McCrum
    Hosts: Thiago Salomão (@_salomoney) e Renato Santiago (@renatosantiago)
    Edition: Renzo Fedri

  • Imagina que, após uma longa investigação, você descobre que uma empresa listada na bolsa é uma fraude e revela suas análises publicamente. Agora, imagina que o mercado demorou 5 anos pra “comprar” essa fraude e, durante todo esse tempo, você sofreu com ameaças e emboscadas da empresa fraudulenta, que resultaram em investigações de órgãos reguladores e até uma aposta contra sua tese de 1 bilhão de dólares, feita por um dos maiores fundos do mundo. Essa é a história de Dan McCrum, jornalista do Financial Times que sofreu por muito tempo até conseguir revelar que a fraude da Wirecard. Direto de Londres, ele aceitou o convite do Market Makers para contar os bastidores desta história que virou um livro (“Money Men: A Hot Startup, A Billion Dollar Fraud, A Fight for the Truth”) e um documentário na Netflix, intitulado “O escandâlo da Wirecard”.

    Durante a conversa, Dan revelou quais os alertas para uma empresa com potencial de ser fraude e contou em detalhes o dia que ele define como “o melhor dia da sua vida”, que foi quando ficou comprovado o sumiço de 2 bilhões de dólares da Wirecard - e a empresa, finalmente, sucumbiu.

    Agradecimento especial para Roberto Bomtempo, que além de um grande ator, produtor e diretor, também é um fã do Market Makers e topou fazer a dublagem do Dan McCrum, tornando o episódio ainda mais especial.

    Conheça a Comunidade Market Makers: https://sl.empiricus.com.br/s/mmk01-lancamento/?xpromo=XE-ME-TELE-MMK01-SUBMMK-X-X-X-X

    Convidado: Dan McCrum
    Apresentadores: Thiago Salomão (@_salomoney) e Renato Santiago (@renatosantiago)
    Dublagem: Roberto Bomtempo
    Transcrição e tradução: João Felipe Parreiras
    Edição: Camila Barcellos

  • Até os 12 anos de idade, ele tinha sido expulso do curso de seminarista, quase morreu após cair de uma altura de 15 metros, fugiu da casa do pai após uma briga com ele e foi morar com uma prostituta no centro de São Paulo. Esse foi o início da vida do fundador do Garantia, Pactual (hoje BTG), Selic, Cetip e outras várias instituições e mecanismos que usamos até hoje no mercado. Luiz Cezar Fernandes, 83 anos, é um dos maiores pensadores do mercado e fez grandes projetos com Jorge Paulo Lemann, Paulo Guedes, André Jakurski e André Esteves, tendo estudado apenas até a 6ª série. Contudo, uma saída bastante conturbada em 1999 do Pactual e prejuízos pessoais na casa de US$ 200 milhões tiraram Cezar dos holofotes. Em 2021, um novo episódio na vida de Luiz Cezar: mais de 100 dias internados por causa da Covid (sendo 66 dias em coma). Quase 100% recuperado da sua fala, este ícone do mercado aceitou o convite do Market Makers para compartilhar suas histórias de vida e contar de seus projetos atuais. Uma aula de história sobre o sistema financeiro brasileiro!

    Conheça a Comunidade Market Makers: https://sl.empiricus.com.br/s/mmk01-lancamento/?xpromo=XE-ME-TELE-MMK01-SUBMMK-X-X-X-X

    Convidado: Luiz Cezar Fernandes, fundador do Pactual
    Apresentadores: Thiago Salomão (@_salomoney) e Renato Santiago (@renatosantiago)
    Edição: Renzo Fedri

  • Faça já sua inscrição na Comunidade Market Makers de Investimentos! Tenha acesso à nossa carteira e muito mais (aproveite condição especial de lançamento): https://sl.empiricus.com.br/s/mmk01-lancamento/

    Esqueça as eleições. Aqui iremos falar exclusivamente sobre ações. No episódio #19 do Market Makers, três renomados gestores explicam suas principais teses de investimento para o longo prazo.

    Convidados: João Braga, CEO e fundador da Encore Asset, Beatriz Fortunato, CIO e sócia fundadora da Studio Investimentos, e Ary Zanetta, sócio e gestor da Brasil Capital
    Apresentador: Thiago Salomão
    Edição: Renzo Fedri

  • Faça já sua inscrição na Comunidade Market Makers de Investimentos! Tenha acesso à nossa carteira e muito mais (aproveite condição especial de lançamento): https://sl.empiricus.com.br/s/mmk01-lancamento/

    O episódio do Market Makers dessa semana não poderia ser diferente. O tema eleições e todas as suas derivadas continuam imperando no Brasil.

    E por isso trouxemos dois grandes economistas com visões e opiniões fortes para debater o que será o Brasil em 2023 – seja quem for o presidente eleito no domingo (ou ao longo da semana…).

    Eles são Elena Landau e Alexandre Schwartsman.

    Ela é economista, advogada, atuou no programa de desestatização do BNDES no governo FHC e atualmente foi mentora econômica da candidata Simone Tebet. Ele foi ex-diretor do Banco Central, com passagens em grandes instituições financeiras.

    Convidados: Alexandre Schwartsman, economista e ex-diretor do Banco Central, e Elena Landau, economista e coordenadora do plano econômico de Simone Tebet
    Apresentadores: Thiago Salomão e Renato Santiago
    Edição: Renzo Fedri

  • VOTE NO MARKET MAKERS para o prêmio “+Admirados da Imprensa de Economia” na categoria podcast! Votação vai até 24 de outubro, então corre pra votar: https://pesquisa.portaldosjornalistas.com.br/pesquisa/mais-admirados-economia-negocios-financas-7a-edicao-2o-turno

    Recebemos dois gestores brasileiros “quase gringos” (você perceberá no histórico deles de mercado, na maneira que eles operam e até no sotaque para falar algumas palavras) para finalmente entender por que está sendo tão difícil para o estrangeiro entender que vamos viver num mundo com inflação alta - algo tão rotineiro em nossas vidas. Apesar de pensarem como gringos, o fundo dos dois convidados tem tido performance de brasileiro, com retornos bastante positivos em 2022. Excelente conversa para entender este tema de uma maneira global.

    Convidados: Andrew Reider, CIO e Portfolio Manager na WHG, e Thiago Melzer, cofundador e CIO da Upon Global Capital
    Apresentadores: Renato Santiago e Samuel Ponsoni
    Edição: Rodrigo Tafuri

  • Entre hoje para a Comunidade Market Makers de Investimentos: https://sl.empiricus.com.br/s/mmk01-lancamento/?xpromo=XE-ME-TELE-MMK01-SUBMMK-X-X-X-X

    Ele é filantropo, investidor, muito rico e admirado por mais de 270 mil seguidores nas redes. Só tem um detalhe: ninguém sabe quem ele é. Tio Ricco criou um perfil no Instagram em 2019 e desde então virou febre entre os habitantes do Condado - e furou a bolha, tendo até um pocket show na Jovem Pan. Na pauta, conselhos que vão abrir sua cabeça e seu coração (destaque para a história do relógio Patek Philippe), em quem o Tio Ricco vai votar, o gestor de fundos preferido dele, um cenário bem preocupante sobre o exterior e uma dica musical descolada. Aperte o play com muito risco e pouco ego.

    Convidados: Tio Ricco
    Apresentadores: Thiago Salomão e Renato Santiago
    Edição: Rodrigo Tafuri